domingo, 29 de dezembro de 2013

Ano Novo... Vida Nova!


É sempre assim, a cada início de novo ano promessas de mudanças. Pensamos em tudo o que vivemos e fizemos durante o ano que passou e, como se pudéssemos fazer tudo de novo, acreditando poder fazer tudo diferente, imaginamos que o tempo possa voltar atrás.

Me lembro bem de uma mensagem, de autoria de Henry Sobel, que até algum tempo me fazia refletir: "A matemática da vida não é tão simples. Cada soma também é uma subtração. Quando somamos mais um ano àqueles que já vivemos, subtraímos um ano daqueles que nos restam viver".

Na verdade, esta é uma mensagem muito materialista. "O tempo passa, o tempo voa", dizia o jargão, para aqueles que não têm objetivos, não têm planejamento para sua vida. Acredito que definir razões de bem viver, criar espaços para si mesmo, com perspectivas positivas para a sua existência, compreendendo a parte física (mais saúde e maior disposição para o trabalho), a emocional (nos relacionamentos pessoais e profissionais), a mental (com o aprimoramento intelectual e do conhecimento), a espiritual (na maior dimensão de sua fé) e a financeira, que para muitos é a única, (consequência das perspectivas anteriores), é possível chegar, sim, ao final de um ano somando mais qualidade de vida, mais motivação para uma nova época, mais razões para viver bem e melhor, diminuindo as dificuldades comuns no trabalho e na vida familiar, a intolerância, a incompreensão, o egoísmo, o orgulho.

Tem pessoas que planejam o tempo todo - negócios, passeios, finanças, mas se esquecem de promover o seu próprio planejamento, o olhar para si mesmo - o que facilitará o alcance de resultados mais positivos para sua vida.

É preciso cuidar dos aspectos que dizem respeito ao corpo, à mente e à alma. Viver bem é estar bem consigo mesmo. Mesmo que as metas sejam ambiciosas, elas serão alcançadas numa forte razão, numa força interior, de modo que as dificuldades parecerão pequenas e os obstáculos perfeitamente transponíveis.

Agir, fazer, errar, aprender, são situações que fazem as diferenças no caminho do sucesso para muitas pessoas. Sem ação, não há resultados. Sem fazer, não se alcança o desejado. Se errar, admita seus próprios erros, perdoando a si mesmo, antes de tudo. Aprender, é voltar e fazer tudo de novo, se for preciso.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...