terça-feira, 21 de junho de 2016

Abra a janela

 

Abra a janela
e abrace um novo dia
com o olhar de uma criança.

Tudo canta,
tudo é fascínio,
na leveza do vento,
das flores.

Tudo é vida!
.

segunda-feira, 20 de junho de 2016

Dois tipos de pessoas


Esta imagem remete ao famoso ditado popular sobre: “Fazer tempestade em copo d’agua.”

Como o desenho mostra, são copos iguais, cheios com a mesma quantidade de água, mas com duas reações diferentes.

Enquanto uma pessoa se afoga, outra flutua. Sabe por que isso?

Porque não são as situações que roubam a nossa paz, mas a nossa forma de reagir a elas…

Na vida é sempre assim:
     - Enquanto um reclama do que acontece, o outro agradece;
     - Enquanto um fala mais do que devia, o outro silencia;
     - Enquanto um se apavora, o outro ora.

Situações parecidas, reações diferentes, diante de Deus Pai que é o mesmo para todos, por isso busque  Nele forças e alternativas para vencer as batalhas da vida e lembre-se sempre de agradecer.

Aprenda que: às vezes você não pode controlar o que acontece com você, mas pode treinar a forma de como reagir diante do que lhe acontece.

E você, que tipo de pessoa é? Aquela que afoga ou a que flutua? Pense nisso!

.

sábado, 18 de junho de 2016

Fábrica de ilusões


No delírio da propaganda tudo é:
            - único,
            - fabuloso,
            - formidável,
            - sensacional.
Que ilusão!!!
Geladeiras e carros prometendo felicidade.

Perguntas para refletir:
   - Vivemos ou somos manipulados?
        - Agimos ou somos condicionados?
             - Pensamos ou somos programados?
                  - Caminhamos ou somos arrastados?

Nossa vida não é uma máquina de consumo.
É urgente encontrar tempo e espaço para as coisas de Deus.

.

terça-feira, 14 de junho de 2016

Nossa Senhora Mãe de Deus


Você sabia que a primeira festa para Nossa Senhora que apareceu na Igreja foi a chamada de “Santa Maria Mãe de Deus”?

Começou a ser celebrada em Roma no século VI e alguns anos depois o Papa Pio XI instituiu oficialmente essa linda festa.

Muito tempo depois, após o Concílio Vaticano II, a festa ficou oficialmente estabelecida no dia 1º de janeiro, com a categoria de solenidade e com título de Santa Maria Mãe de Deus, assim, os católicos começam o ano pedindo a proteção da Santíssima Virgem Maria.

Curiosidade

Foram encontradas pinturas com o nome de “Maria, Mãe de Deus” (Theotókos) nas Catacumbas (cemitérios subterrâneos dos primeiros cristãos, cavados debaixo da cidade de Roma).


Fonte: Tia Adelita - Canção Nova

sábado, 11 de junho de 2016

O servo de todos

Tu és meu Filho Amado!


João Batista estava no rio Jordão quando Jesus chegou para ser batizado. Como João recusava fazê-lo, Jesus disse: "Deixa por agora, pois convém cumprirmos a justiça completa" (Mt 3, 13-17). Depois, ao sair do rio, o Espírito Santo desceu sobre Jesus, em forma de pomba, e ouviu-se uma voz vinda do céu: "Eis meu Filho muito amado em quem ponho minha afeição".

O batismo de Jesus dá início à sua vida pública. É, também, a manifestação (Epifania) de Jesus como Messias de Israel e Filho de Deus.

Seu batismo é a aceitação da sua missão de Servo sofredor e Ele deixa-se contar entre os pecadores, para que se cumpra toda a justiça, submetendo-se inteiramente à vontade de seu Pai. Ou seja, Jesus aceita, por amor, esse batismo de morte para a remissão de nossos pecados (CIC 536)*, para nos salvar. E, ao aceitar a sua missão, Jesus agrada a Deus Pai, pois Ele deseja a nossa salvação, que só pode acontecer através da morte e ressurreição de seu Filho.

O batismo de Jesus abre o céu que o pecado de Adão havia fechado para nós. O Senhor Jesus abre mão de sua divindade para se tornar igual a nós em tudo, exceto no pecado. E nos convida, através de nosso batismo, a nos tornarmos iguais a Ele em tudo.

(Pe. Eduardo Dougherty, sj - Fundador e Presidente de Honra da ASJ)

* CIC = Catecismo da Igreja Católica

segunda-feira, 6 de junho de 2016

Sacramento da Comunhão



Senhor, quando Te vejo no sacramento da comunhão
Sinto o céu se abrir e uma luz a me atingir
Esfriando minha cabeça, esquentando meu coração

Senhor, graças e louvores sejam dadas a todo momento
Quero Te louvar na dor, na alegria e no sofrimento
E se em meio à tribulação, eu me esquecer de Ti
Ilumina minhas trevas com Tua luz

Jesus, fonte de misericórdia que jorra do templo
Jesus, o Filho da Rainha
Jesus, rosto divino do homem
Jesus, rosto humano de Deus  (Bis)

Chego muitas vezes em Tua casa, meu Senhor
Triste, abatido, precisando de amor
Mas depois da comunhão Tua casa é meu coração
Então sinto o céu dentro de mim

Não comungo porque mereço, isso eu sei, oh meu Senhor
Comungo pois preciso de Ti
Quando faltei à missa, eu fugia de mim e de Ti
Mas agora eu voltei, por favor aceita-me

Jesus, fonte de misericórdia que jorra do templo
Jesus, o Filho da Rainha
Jesus, rosto divino do homem
Jesus, rosto humano de Deus  (Bis)

domingo, 5 de junho de 2016

Oitavo Mandamento


"Não levantarás falso testemunho contra teu próximo" (Ex 20, 16). Os discípulos de Cristo "revestiram-se do homem novo, criado, segundo Deus, na justiça e santidade da verdade" (Ef 4, 24). A verdade é virtude que consiste em mostrar-se verdadeiro no agir e no falar.

O espírito deste mandamento consiste na importância e na necessidade da verdade, de sempre se usar a verdade em todos os relacionamentos. Deus é a verdade. Revelou toda a verdade a seus filhos, e quer que aprendamos, vivamos, falemos e propaguemos a verdade.

Este mandamento nos chama a viver, a falar, a defender e a testemunhar a verdade dos fatos e acontecimentos. Em sentido oposto, este mandamento nos impõe a jamais testemunhar a favor da falsidade, da mentira, do erro, do crime. Este mandamento exclui: ser ou apresentar falso, jurar falso, mentir, caluniar, difamar, maldizer, bajular, adular, revelar segredos confiados, não guardar segredos profissionais. Este mandamento proíbe falsear a verdade nas relações com os outros. Essa proibição moral decorre da vocação do povo santo a ser testemunha de seu Deus, que é e quer a verdade.

O respeito à reputação e à honra das pessoas, proíbe toda atitude ou palavra de maledicência ou calúnia. A mentira consiste em dizer o que é falso com a intenção de enganar o próximo.

"O sigilo sacramental é inviolável". Os segredos profissionais devem ser guardados. As confidências prejudiciais a outros não devem ser divulgadas. A sociedade tem direito a uma informação fundada na verdade, na liberdade e na justiça.

"A verdade ou veracidade é a virtude que consiste
em mostrar-se verdadeiro no agir e no falar,
fugindo da duplicidade, da simulação e da hipocrisia"

(Pe. Alírio J. Pedrini, scj)

sábado, 4 de junho de 2016

O sol que acaricia


                       Deus é como 
                                o sol que acaricia
                                       com a mesma ternura

                       a praça e a praia,
                              plantas e pedras,
                                       pássaros e peixes,
                                              o santo e o pecador.

quarta-feira, 1 de junho de 2016

Fundamentos



O fundamento de nossa espiritualidade:

- DEUS É AMOR;
- DEUS É VIDA;
- DEUS É FELICIDADE.

Ora, Deus nos criou à sua imagem e semelhança.
Logo, nos criou para sermos:

- imensamente amorosos,
- inteiramente vivos,
- plenamente felizes.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...