quinta-feira, 3 de junho de 2010

Três grandes sinais


A tragédia do terremeto no Haiti iluminou muitos corações com imagens impressionantes. Uma das mais fortes foi a ruína da Igreja do Sagrado Coração de Jesus. Ali podemos ver três sinais: o primeiro, sob os escombros, o corpo da Dra. Zilda Arns, Coordenadora da Pastoral da Criança e da Terceira Idade; o segundo, as ruínas da igreja; o terceiro, de pé e intacto, o Crucifixo.

O primeiro, o corpo, é o sinal escondido do Amor e lembra a palavra e o exemplo de Jesus: "Ninguém tem maior amor do que aquele que dá a sua vida pelos amigos" (Jo 15, 13). O segundo, as ruínas, lembram a palavra de Jesus à samaritana: "Hão de adorar o Pai em espírito e verdade" (Jo 4, 23). O amor dos adoradores há de restaurar o templo! O terceiro, o Crucifixo em pé, lembra o que está escrito na Bíblia: "Olharão para aquele que transpassaram" (Zc 12, 10). Olhar o Coração transpassado traz conforto!

Os três sinais falam de coração e de amor:

1. O corpo de Zilda Arns é sinal? Sim! Inspirada em Jesus, amou até o fim! É contando com corações assim que Jesus continua a salvar crianças, jovens e adultos também depois de sua morte.

2. A Igreja do Sagrado Coração de Jesus em ruínas nos faz lembrar que Deus prefere corações de carne a corações de pedra. O Profeta Ezequiel revela a promessa de Deus: "Tirar-vos-ei do peito o coração de pedra e dar-vos-ei um coração de carne" (Ez 36, 26). Foram corações sensíveis ao amor do Coração de Jesus que fizeram a Igreja derrubada pelo trerremoto. São eles que vão reconstruí-la!

3. O soldado, no Calvário, feriu o peito de Jesus e transpassou o seu Coração. Por que o coração? Porque do Coração do Mestre brotou a nova lei: "Amai-vos uns aos outros como eu vos amei" (Jo 15, 12), suplantando a antiga: "Olho por olho, dente por dente".

O mais maravilhoso desses três sinais é o Crucifixo em pé, de braços abertos, no meio dos escombros, símbolo do Cristo que jamais nos abandona: "Vinde a mim, vós todos que estais aflitos" (Mt 11, 28). Unido a Jesus Crucificado, quem ama se joga nos braços do Pai certo de que: "Se morrermos com Ele, com Ele viveremos" (2Tm 2,11).


Fonte: Revista Mensageiro do Coração de Jesus - nº1280 - maio 2010
.

Um comentário:

Betty Boop disse...

Nossa, me arrepiei agora.
Mto bem pensado e analisado. Bela reflexão!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...